Image Map











domingo, 23 de setembro de 2018

Lucas 17:34 apoia o relacionamento homossexual?


Fonte: jw.org


Um leitor escreveu:


Meu amigo, gostaria que você me explicasse o texto de Lucas 17:34, quando diz que ‘naquela noite dois homens estarão em uma só cama, um será levado junto e outro será abandonado’. Por favor, o que significa “dois homens em uma cama”?

Resposta:

Lemos em Lucas 17:34 (NM): “Eu lhes digo: Naquela noite, duas pessoas estarão numa cama; uma será levada, mas a outra será abandonada.”


O texto grego encontra-se conforme abaixo:


λέγω ὑμῖν, ταύτῃ τῇ νυκτὶ ἔσονται δύο ἐπὶ κλίνης μιᾶς
légo hymîn, taútei nyctì ésontai dúo epì klínes miãs
Digo a vós, naquela noite estarão dois sobre uma cama 

ὁ εἷς παραλημφθήσεται καὶ ὁ ἕτερος ἀφεθήσεται
ho eîs paralemfthésetai kaì ho héteros aféthésetai 
aquele um será levado e aquele outro abandonado.

Alguns entendem que Jesus fez alusão a uma relação homossexual. Porém, o contexto bíblico como um todo mostra que não era isso.


O conceito de Deus sobre o relacionamento homossexual no Velho Testamento

O caso de Sodoma e Gomorra


Fonte: jw.org


Acontecimentos envolvendo as cidades de Sodoma e Gomorra mostram que o conceito divino era contra a prática homossexual. O que resultou na destruição dos habitantes das cidades de Sodoma e Gomorra foi o comportamento homossexual de seus habitantes.

Lemos em Gênesis 13:13: “Ora, os homens de Sodoma eram maus, grandes pecadores contra Jeová.” Lemos posteriormente em Gênesis 18:20: “Portanto, Jeová disse: ‘O clamor contra Sodoma e Gomorra é imenso, e seu pecado é muito grave.’” Qual era o comportamento dos habitantes da cidade que levou a tal descrição?

Gênesis 19:5 descreve o comportamento deles. Diz-nos o texto: “Chamavam Ló e lhe diziam: ‘Onde estão os homens que vieram a você esta noite? Traga-os para fora a nós, para que tenhamos relações com eles.’”

Os anjos em forma humana enviados por Deus explicaram ao justo Ló: “Vamos destruir este lugar, porque o clamor contra este povo se tornou imenso perante Jeová, de modo que Jeová nos enviou para destruir a cidade.” – Gênesis 19:13.

O conceito da Lei mosaica sobre o relacionamento homossexual

A Lei dada por Deus a Israel mostrava claramente o conceito divino sobre a prática homossexual, conforme o texto abaixo:

“Não tenha relações sexuais com um homem, assim como se costuma ter com uma mulher. É um ato detestável.” – Levítico 18:22.

A Bíblia diz que Jesus Cristo veio para cumprir a Lei, visto que ele nasceu debaixo da Lei. (Mateus 5:17; Gálatas 4:4) Portanto, ele jamais poderia endossar o relacionamento homossexual. Caso ele o fizesse, ele não teria cumprido a Lei mosaica, o que o desqualificaria de ser o prometido Messias, ou Cristo. Isto afetaria totalmente a genuinidade do cristianismo como movimento religioso aprovado por Deus, e a Bíblia Sagrada como o livro inspirado por Deus. Perceba então as profundas implicações de se entender que Jesus estava aprovando o relacionamento homossexual!

O conceito cristão sobre o relacionamento homossexual

Embora a Lei mosaica tenha deixado de vigorar, vimos que a desaprovação divina do comportamento homossexual é anterior a tal conjunto de leis. E o cristianismo também manteve tal desaprovação, conforme se vê claramente dos textos bíblicos abaixo:

“Ou será que vocês não sabem que os injustos não herdarão o Reino de Deus? Não se enganem. Os que praticam imoralidade sexual, os idólatras, os adúlteros, os homens que se submetem a atos homossexuais, os homens que praticam o homossexualismo, os ladrões, os gananciosos, os beberrões, os injuriadores e os extorsores não herdarão o Reino de Deus. E, no entanto, isso é o que alguns de vocês foram. Mas vocês foram lavados; vocês foram santificados; vocês foram declarados justos no nome do Senhor Jesus Cristo e com o espírito do nosso Deus.” – 1 Coríntios 6:9-11.

“Portanto Deus, em harmonia com os desejos do coração deles, os entregou à impureza, para que desonrassem o seu próprio corpo. Eles trocaram a verdade de Deus pela mentira, e veneraram e prestaram serviço sagrado à criação em vez de ao Criador, que é louvado para sempre. Amém. É por isso que Deus os entregou à paixão desenfreada e vergonhosa, pois tanto as mulheres entre eles trocaram o uso natural de si mesmas por outro contrário à natureza, como também os homens abandonaram o uso natural da mulher e ficaram violentamente inflamados de paixão uns pelos outros, homens com homens, praticando o que é obsceno e recebendo em si mesmos a plena punição pelo seu erro.” – Romanos 1:24-27.

“Ora, sabemos que a Lei é boa, se for aplicada corretamente, reconhecendo-se que as leis são feitas não para o justo, mas para os transgressores e rebeldes, ímpios e pecadores, desleais e profanadores, para os que matam pai ou mãe, assassinos, para os que praticam imoralidade sexual, homens que praticam o homossexualismo, raptores, mentirosos, para os que juram falsamente, e para tudo que é contrário ao ensinamento sadio.” – 1 Timóteo 1:8-10.

O cristianismo dado por Deus mediante Jesus Cristo mostrou ter o mesmo conceito expresso no Velho Testamento sobre a destruição de Sodoma e Gomorra:

“E ele condenou as cidades de Sodoma e Gomorra, reduzindo-as a cinzas, estabelecendo para as pessoas ímpias um modelo das coisas que virão. Mas ele livrou o justo Ló, que ficava muito aflito por causa da conduta insolente dos transgressores. (Porque, enquanto morava entre eles, dia após dia esse homem justo sentia sua alma justa atormentada por ver e ouvir aquelas ações contra a lei.)” – 2 Pedro 2:6-8.

“Da mesma maneira, Sodoma e Gomorra e as cidades em volta delas também se entregaram a crassa imoralidade sexual e foram atrás de desejos carnais desnaturais; elas estão diante de nós como exemplo de aviso por terem sofrido a punição judicial do fogo eterno. – Judas 7.

Por outro lado, a Bíblia é definitivamente contra a homofobia. Em vez disso, ela recomenda: “Façamos o bem a todos.” (Gálatas 6:10) No mesmo viés, Jesus declarou: “Portanto, todas as coisas que querem que os homens façam a vocês, façam também a eles.” (Mateus 7:12) Portanto, tratar a todos com respeito e dignidade é um dever de todos os cristãos.

O contexto social da época de Jesus Cristo

A Concordância de Strong define κλίνη (klíne) como “um sofá, cama, cama ou tapete portátil, um sofá para descansar nas refeições”. Assim, diversos comentaristas bíblicos ressaltaram que a palavra “cama” poderia significar sofá ou travesseiros sobre os quais as pessoas sentavam-se no chão do estilo do Oriente Médio, ou eram um tipo de esteira onde as pessoas poderiam dormir juntas – dois irmãos, pai e filhos, vários amigos etc. Conforme comentam tais pesquisadores, a ideia de ‘dois em uma cama’ também poderia significar que tais pessoas estariam sentadas juntas na ceia, sendo costume dos antigos sentar-se em camas ou sofás nas refeições.


Fonte: jw.org

Sobre isso, observe que o texto de Lucas 17:34 não diz que as duas pessoas estavam deitadas em uma cama, mas simplesmente que estavam em uma cama (ou sofá), podendo estar recostados nela, como em uma refeição.

O motivo da dificuldade da interpretação por parte de alguns

A página online The Gospel of Christ afirmou:

O movimento homossexual na América mudou drasticamente a percepção da nossa cultura. Não faz muitos anos que dois homens podiam dormir na mesma cama sem implicar ou sequer pensar na homossexualidade. Precisamos ter muito cuidado para não permitir que a cultura transforme nosso pensamento (Romanos 12: 1 , 2).

Segundo certa fonte, o livro Black Like Me (“Negro Como Eu”), do jornalista John Howard Griffin, descreve um negro pobre dividindo sua cama com alguém totalmente estranho. Claramente, não há homossexualidade envolvida, apenas preocupação por um viajante em necessidade.




A tradução de Lucas 17:34

O numeral δύο (dúo; “dois”) ocorre sem substantivo acompanhante, e não implica necessariamente dois do mesmo sexo. Exemplo disso é seu uso em Mateus 19:5, na citação que Jesus fez de Gênesis 2:24: “Por essa razão o homem deixará seu pai e sua mãe e se apegará à sua esposa, e os dois [δύο: homem e mulher] serão uma só carne.”

Por isso, certos comentaristas entendem que está subentendido o substantivo ánthropoi (homens no sentido genérico de humanos) e não ándres (“homens” no sentido de pessoas do sexo masculino). A ideia seria de “duas pessoas”, como traduzem a Tradução do Novo Mundo, a Nova Versão Internacional e a King James Atualizada.

O versículo 35 fala literalmente de ‘dois moendo’, e depois usa o numeral no gênero feminino μα (mía; “uma”), na frase “uma será levada, mas a outra será abandonada”, referindo-se evidentemente a mulheres. Sobre o verbo toλήθω (tolétho, “moer”), diz certo comentário bíblico: “Moer. Era costume enviar mulheres e escravas para as casas dos moinhos para girar os moinhos de mão.” Porém, o fato de o versículo 35 mencionar mulheres não implica forçosamente em o versículo anterior dizer respeito a pessoas do sexo masculino, pois são descrições de situações e tarefas diferentes.

O ponto em questão no texto

O que Jesus parece salientar é que a afinidade, ou parentesco, entre duas pessoas não asseguraria a salvação de ambas. O que importa é seguir o modo de vida cristão.


Referências:

Can Someone Please Explain Luke 17:34 for me? Christian Forum. Disponível em: <http://www.topix.com/forum/religion/christian/TRNPEGQ3JPNE993QL/can-someone-please-explain-luke-17-34-for-me>.

Concordância de Strong. Disponível em: <https://bibliaparalela.com/greek/2825.htm>.

Does Luke 17:34 Endorse Homosexual Behavior? Disponível em: <https://thegospelofchrist.com/knowledge-base/tgoc-kb--9tfaa>.

GRIFFIN, John Howard. Black Like Me. In: The Guardian. Disponível em: <https://www.theguardian.com/books/2011/oct/27/black-like-me-john-howard-griffin>.

How should we understand Luke 17:34? In: Never Thirsty. Disponível em: <https://www.neverthirsty.org/bible-qa/qa-archives/question/how-should-we-understand-luke-1734/>.


Moer. Toλήθω. Disponível em: <http://www.greekbible.com/l.php?a)lh/qw_v--papnpf-_>.

Strong's Interlinear Bible Search. Passage Lookup: Luke 17:34. Disponível em: <https://www.studylight.org/desk/interlinear.cgi?query=lu+17:34&it=nas&ot=bhs&nt=na&sr=1&l=en>.




A menos que haja uma indicação, todas as citações bíblicas são da Tradução do Novo Mundo da Bíblia Sagrada, publicada pelas Testemunhas de Jeová.



Os artigos deste site podem ser citados ou republicados, desde que seja citada a fonte: o site www.oapologistadaverdade.org






Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *