Image Map











quarta-feira, 23 de maio de 2018

Jesus como primogênito faz parte da criação?

Fonte da ilustração: jw.org
         Um leitor deste site escreveu:

Apologista, tudo bem? Teria como você tentar desmontar o argumento abaixo? Vou colocar aqui na íntegra:
Argumento trinitário sobre Colossenses 1:15
O campo léxico de “primogênito” também inclui “preeminência sobre” (e não simplesmente uma ordem cronológica literal do nascimento).

Quem disse que Jesus fez parte do grupo do qual foi criado? Quando a palavra “primogênito” está ligada a Cristo tendo em mente uma participação no referido GRUPO, ela sempre vem acompanhada de uma PREPOSIÇÃO que indica essa PARTICIPAÇÃO.

Vejamos:
οτι ους προεγνω και προωρισε συμμορφους της εικονος του υιου αυτου εις το ειναι αυτον πρωτοτοκον εν πολλοις αδελφοις. – Romanos 8:29.
Observe que a preposição “εν” (“dentro de”) foi adicionada para garantir que Jesus (Lógos encarnado) é um dentre muitos, ou seja, faz parte do grupo referido.

“πρωτοτοκον εν πολλοις αδελφοις” – “primogênito DENTRO DE muitos irmãos”; isto é uma verdade bíblica, pois Jesus (Lógos encarnado) assumiu a filiação e nos tornou filhos de Deus. (Romanos 8:14, 16; Gálatas 3:26, Filipenses 2:15; 1 João 3:1).
Veja mais uma: 
και αυτος εστιν η κεφαλη του σωματος της εκκλησιας ος εστιν αρχη πρωτοτοκος εκ των νεκρων ινα γενηται εν πασιν αυτος πρωτευων. – Colossenses 1:18, TR [Texto Recebido].
Observe mais uma vez o emprego de uma preposição para indicar a participação no grupo referido: “εκ” (“de dentro de”).
“πρωτοτοκος εκ των νεκρων” – “primogênito DE DENTRO DE os mortos”. Aqui nós concordamos, pois Jesus é o primogênito dentre os mortos porque ele foi o primeiro a ressuscitar para não mais morrer, ou seja, com um corpo glorificado, e isto a própria expressão afirma quando diz: “DE DENTRO DE”.

Mais uma: 
και απο ιησου χριστου ο μαρτυς ο πιστος ο πρωτοτοκος εκ των νεκρων και ο αρχων των βασιλεων της γης τω αγαπησαντι ημας και λουσαντι ημας απο των αμαρτιων ημων εν τω αιματι αυτο. (Apocalipse 1:5, TR.)
Observamos mais uma vez aqui o uso de uma preposição para indicar a participação no grupo: εκ – “de dentro de”.

“πρωτοτοκος εκ των νεκρων” – primogênito DE DENTRO DE os mortos.
Agora vamos a Colossenses:

ος εστιν εικων του θεου του αορατου πρωτοτοκος πασης κτισεως. (Cl 1:15, TR.)
Observe que o texto acima carece de uma preposição de indicação “partitiva”, ou seja, que há uma participação lógica do primogênito no contexto da criação.

“πρωτοτοκος πασης κτισεως” – “primogênito de toda a criação”.
Onde está a preposição? 

Vamos para uma avaliação gramatical?

No texto de Colossenses observamos que Jesus (Lógos) é dito como o “primogênito de toda a criação”, o que isto quer dizer?

Segundo o movimento Testemunhas de Jeová, Deus é o agente e Jesus (Lógos) fez parte da criação, de modo que o Logos nada mais é que uma parte de tudo que foi criado. Porém, uma boa avaliação gramatical irá nos mostrar que isto é um erro metodológico. Por quê?

Se Deus é o agente da criação e Jesus faz parte da criação, o texto de Colossenses não estaria correto, pois é como se eu afirmasse o seguinte:

“João é primogênito de meus filhos.”

Porém, por mais natural que pareça ser, é incorreto por dois motivos:

Primeiro: O próprio João é meu filho.

Segundo: João não é o primogênito de nenhum de meus filhos.

Qual seria a forma correta?

“João é o primogênito DENTRE os meus filhos.” 

Desta forma, para que Jesus fosse o primogênito do que foi criado, e isto fosse verdadeiro, o texto teria que ser assim:

“O primogênito dentre (εκ) toda a criação.”

Isto estaria expressando que o próprio Lógos fez parte da criação.        

Mas não é o caso.

Concluindo o raciocínio LÓGICO, por este texto é impossível dizer que o Lógos faz parte do que foi criado; e isto corrobora com João, que afirma que Ele (Lógos) já existia antes de tudo o que foi criado.


Resposta:
Em sua tentativa de negar que o Lógos (Jesus Cristo) foi criado por Deus, os trinitários buscam estabelecer supostas “regras” gramaticais no idioma grego usado no “Novo Testamento”, fazendo vista grossa de que tal idioma, assim como muitos outros, possuem mais de uma possibilidade para afirmar a mesma coisa, ou seja, são flexíveis.
Embora o argumentador citado acima tenha sido categórico, como se sua argumentação fosse incontestável, o mesmo não ocorre com os pesquisadores e eruditos do texto grego do “Novo Testamento”.


Por exemplo, o Léxico Grego-Inglês do Novo Testamento, de Thayer (p. 555), sobre a expressão πρωτότοκος πάσης κτίσεως (protótokos páses ktíseos; “primogênito de toda a criação”), afirma de modo reticente e tíbio: “Esta passagem não prova com certeza que Paulo contou com o λόγος no número de seres criados.” Ou seja, em vez de dizer que ‘não prova de forma alguma’, apenas afirma que “não prova com certeza”.
Na realidade, embora o uso da preposição torne mais clara a participação de alguém no grupo, ela NÃO É NECESSÁRIA para indicar tal participação.
Por exemplo, o genitivo partitivo (que indica o substantivo como sendo parte de um grupo ou lugar) dispensa o uso da preposição. Os exemplos abaixo demonstram isso:

Gênesis 4:4:

τά πρωτότοκα τῶν προβάτων

tá protótoka tôn probáton

os primogênitos do rebanho

Óbvio, nesta passagem, que os primogênitos fazem parte do rebanho. Contudo, não foi usada nenhuma preposição. 
Veja outros exemplos:
Êxodo 22:29:

τά πρωτότοκα τῶν υἱῶν σου 

tà protótoka tôn huiôn sou

o primogênito dos seus filhos


Deuteronômio 12:17:

 τά πρωτότοκα τν βον σου

tà protótoka tôn boôn sou

os primogênitos dos seus bois


Êxodo 12:29 menciona “o primogênito do Faraó”, bem como “o primogênito do cativo” e “todo primogênito dos animais”. Na LXX [Septuaginta grega] essas expressões ocorrem sem preposição, conforme mostrado abaixo:

πρωτοτόκου Φαραω (prototókou pharao)

πρωτοτόκου τς αχμαλωτδος (prototókou tês aikhmalotídos)

πρωτοτόκου παντς κτνους (prototókou pantòs kténous)



A ausência da preposição também incide em Êxodo 13:13,         que menciona “todo primogênito de homem dos filhos       seus” (πν πρωττοκον νθρπου τν υἱῶν σουLXX).

Êxodo 13:15 faz menção dos “primogênitos de homens” (πρωτοτκων νθρπων) e  dos “primogênitos de animais” (πρωτοτόκων κτηνν), ambas as expressões sem preposição e sem artigo.

Embora o argumentador citado no início deste artigo tenha afirmado que não seria correta a expressão “primogênito de meus filhos”, Êxodo 13:15 usa justamente essa expressão! (πρωτότοκον τν υἱῶν μου [literalmente “primogênito dos filhos meus”].) Não se usa nenhuma expressão nesse texto tal como “primogênito DENTRE os meus filhos”. Mesmo assim, o sentido é óbvio: “primogênito dos meus filhos” significa ‘meu filho primogênito’.

Hebreus 11:28:

τὰ πρωτότοκα θγ ατῶν

“Tocasse nos primogênitos deles.”

Todas as passagens acima não possuem preposição. Contudo, em todas elas o primogênito faz parte do grupo mencionado.
Uma comparação de Apocalipse 1:5 no grego do Texto Recebido com o grego do Texto Crítico mostra a flexibilidade da construção textual:
πρωτοτοκος εκ των νεκρων (Com preposição.)

  πρωττοκος τν νεκρν (Sem preposição.)

Vale lembrar que o Texto Recebido é do século 16, baseado em manuscritos não anteriores ao décimo século, ao passo que o Texto Crítico é fundamentado em manuscritos bem antigos. O Novo Testamento Grego de Nestle e o de Westcott e Hort não usam a preposição. Isso mostra que os copistas do texto grego do Novo Testamento que estavam mais próximos dos escritos originais não usaram a preposição, o que torna claro que a ausência da preposição não modifica em nada o significado do texto em questão.
Portanto, uma “boa avaliação gramatical” – melhor do que a feita pelo referido argumentador – mostra que não existe nenhuma regra rígida e inflexível que exija o uso da preposição para indicar que Jesus faça parte da criação.


A menos que haja uma indicação, todas as citações bíblicas são da Tradução do Novo Mundo da Bíblia Sagradapublicada pelas Testemunhas de Jeová.


Contato: oapologistadaverdade@gmail.com


Os artigos deste site podem ser citados ou republicados, desde que seja citada a fonte: o site www.oapologistadaverdade.org






Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *