Image Map











domingo, 22 de março de 2015

Harmonizando 1 Coríntios 15:27 e Filipenses 3:21

     Fonte da ilustração: jw.org

Certo leitor escreveu o seguinte:

Oi, Apologista, gostaria de fazer uma pergunta: 1 Coríntios 15:27 nos diz que Jeová sujeitou todas as coisas a Jesus. Mas Filipenses 3:21 diz que Jesus tem o poder de “sujeitar todas as coisas a si mesmo”. Como entender isso, Apologista?

Resposta:

Vejamos abaixo as duas passagens:

Pois Deus ‘lhe sujeitou todas as coisas debaixo dos pés’.” – 1 Coríntios 15:27.

“Quanto a nós, a nossa cidadania existe nos céus, donde também aguardamos ansiosamente um salvador, o Senhor Jesus Cristo, o qual remodelará o nosso corpo humilhado para ser conforme ao seu corpo glorioso, segundo a operação do poder que ele tem, sim, de sujeitar todas as coisas a si mesmo”. – Filipenses 3:20, 21.

Os textos bíblicos nunca se contradizem. Temos de analisar cada um em seu devido contexto imediato, e em relação a todo o conjunto de verdades bíblicas.

O texto de 1 Coríntios 15:27 constitui o clímax de uma série de eventos futuros: “A seguir, o fim, quando ele [Jesus] entregar o reino ao seu Deus e Pai, tendo reduzido a nada todo governo, e toda autoridade e poder. Pois ele tem de reinar até que Deus lhe tenha posto todos os inimigos debaixo dos seus pés. Como último inimigo, a morte há de ser reduzida a nada. Pois Deus ‘lhe sujeitou todas as coisas debaixo dos pés’. Mas, quando diz que ‘todas as coisas foram sujeitas’, é evidente que se excetua aquele que lhe sujeitou todas as coisas. Mas, quando todas as coisas lhe tiverem sido sujeitas, então o próprio Filho também se sujeitará Àquele que lhe sujeitou todas as coisas, para que Deus seja todas as coisas para com todos.” – 1 Coríntios 15:24-28.

Observe, pelo texto, que “Deus ‘lhe sujeitou todas as coisas debaixo dos pés’” (citação do Salmo 8:6) por lhe dar autorização e por conferir poder para ele próprio – Jesus – fazer isso. Por isso que Paulo diz que, quando chegar o fim, o próprio Jesus terá “reduzido a nada todo governo, e toda autoridade e poder”. Esse fato esclarece o texto de Filipenses 3:21, que menciona o ‘poder que Jesus tem de sujeitar todas as coisas a si mesmo’, poder esse que ele recebeu de seu Deus e Pai, Jeová.

Mas, no texto de Filipenses 3:20 e 21, o poder de Jesus, de “sujeitar todas as coisas”, diz respeito a algo diferente do descrito em 1 Coríntios 15:24-28. Neste texto, tal poder é usado para destruir os opositores de seu Reino. Já em Filipenses 3:20 e 21, Jesus ‘sujeita todas as coisas a si mesmo’ por cumprir o propósito de Jeová, de ressuscitar os cristãos com esperança celestial dando-lhes um corpo espiritual “conforme ao seu corpo glorioso”.

1 Coríntios 15:44, 49 declara: Semeia-se corpo físico, é levantado corpo espiritual. Se há corpo físico, há também um espiritual. E assim como temos levado a imagem daquele feito de pó, levaremos também a imagem do celestial.”

Assim, a análise das duas passagens – 1 Coríntios 15:28 e Filipenses 3:21 – mostra claramente a autorização e o poder que Jeová forneceu a seu Filho, o nosso Senhor Jesus Cristo. Os dois textos não são contraditórios, e sim complementares. De fato, a inteira Palavra de Deus é completamente harmoniosa.



A menos que haja uma indicação, todas as citações bíblicas são da Tradução do Novo Mundo das Escrituras Sagradaspublicada pelas Testemunhas de Jeová.


Contato: oapologistadaverdade@gmail.com

Os artigos deste site podem ser citados ou republicados, desde que seja citada a fonte: o site www.oapologistadaverdade.org










Nenhum comentário:

Postar um comentário


Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *