Image Map











domingo, 30 de maio de 2021

É correta a palavra “tatuagem” em Levítico 19:28?

 

Lemos em Levítico 19:28, de acordo com a Tradução do Novo Mundo Revisada 2015: “Não façam cortes no corpo por causa de uma pessoa morta, nem façam tatuagem em vocês. Eu sou Jeová.” A Tradução do Novo Mundo Com Referências (edição de 1986) traduz assim: “E não vos deveis fazer cortes na carne em prol duma alma falecida e não deveis fazer tatuagem em vós. Eu sou Jeová.”

Outras versões da Bíblia também usam a palavra “tatuagem” (“tattoo” em inglês):

“Não fareis incisões no corpo por algum morto e não fareis nenhuma tatuagem. Eu sou Iahweh.” – Bíblia de Jerusalém.

“Não façam incisões no corpo por algum morto, nem façam tatuagens. Eu sou Javé.” – Bíblia Pastoral.

“Não façam cortes no corpo em memória aos mortos, nem tatuagens na pele. Eu sou o SENHOR.” – Versão Fácil de Ler.

“Não façam cortes em seus corpos por causa dos mortos, nem tatuagem em si mesmos. Eu sou o Senhor.” – Nova Versão Internacional.

 “Não cortem seus corpos pelos mortos nem coloquem marcas de tatuagem em vocês. Eu sou o Senhor.” – New International Version.

“Não cortem seus corpos pelos mortos, e não marquem sua pele com tatuagens. Eu sou o SENHOR.” – New Living Translation.

“Vocês não devem fazer nenhum corte em seu corpo pelos mortos ou tatuar-se: Eu sou o SENHOR.” – English Standard Version.

“Vocês não devem fazer nenhum corte em seu corpo por causa dos mortos ou colocar marcas de tatuagem em si mesmos. Eu sou o SENHOR. - Berean Study Bible.

“Não farás nenhum corte na tua carne pelos mortos, nem tatuarás marcas em ti: Eu sou o Senhor.” – New King James Version.

“Vocês não devem fazer nenhum corte em seu corpo pelos mortos, nem fazer nenhuma marca de tatuagem em si mesmos: Eu sou o SENHOR. – New American Standard Bible.

“Não farás cortes no corpo pelos mortos, nem marcas de tatuagem em ti: Eu sou o SENHOR.” – NASB 1995; NASB 1977.

“Vocês não devem fazer nenhum corte em seu corpo [em luto] pelos mortos, nem fazer qualquer marca de tatuagem em si mesmos; Eu sou o SENHOR.” – Amplified Bible.

“Vocês não devem fazer cortes em seus corpos pelos mortos ou colocar marcas de tatuagem em si mesmos; Eu sou o SENHOR.” – Christian Standard Bible.

“Vocês não devem fazer cortes em seus corpos pelos mortos ou colocar marcas de tatuagem em si mesmo; Eu sou Yahweh.” – Holman Christian Standard Bible.

 ”Nunca corte seu corpo para lamentar os mortos e nunca faça uma tatuagem. Eu sou o SENHOR.” – GOD'S WORD® Translation.

“Não deves fazer incisões na tua carne por causa dos mortos, nem te submeter a cortes ou tatuagens. Eu sou o Senhor.” – International Standard Version.

 ”Você não devem cortar seu corpo para uma pessoa morta ou fazer uma tatuagem em vocês mesmos. Eu sou o SENHOR. – NET Bible.

“Não faça cortes em sua carne quando alguém morrer ou se tatuem; Eu sou ADONAI.” – The Complete Jewish Bible.

E não fareis cortes para um morto na vossa carne, nem poreis qualquer escrita em vocês: Eu sou Jeová.” – The Darby Translation.

“E não farás nenhum talho no corpo por causa do morto, nem farás em ti uma marca de tatuagem; Eu [sou] Yahweh.” – Lexham English Bible.

“Não cortem seus corpos em nome dos mortos. Não se tatuem. Eu sou Deus.” – The Message Bible.

“Vocês não devem cortar seu corpo para mostrar tristeza por alguém que morreu ou colocar marcas de tatuagem em vocês. Eu sou o Senhor.” – New Century Version.

“Vocês não devem fazer nenhum corte em sua carne pelos mortos, nem tatuar nenhuma marca em vocês: Eu sou o Senhor.” – New Revised Standard. 

“Vocês não farão nenhum corte em sua base para os mortos, nem tatuarão qualquer marca em vocês: Eu sou Hashem.” – Orthodox Jewish Bible.

“Não farás nenhum corte na tua carne por causa dos mortos, nem tatuarás marcas em ti: Eu sou o SENHOR.” – Revised Standard Version.

O texto hebraico

As palavras hebraicas em consideração são ktovet qaaqa (קַעֲקַע כְּתוֹבוֹת). Ktovet é uma palavra feminina no plural que tem sido definida como “inscrição”. Qaaqa tem sido definida como “marca” e “tatuagem”.[1] Portanto, a ideia expressa por estas duas palavras é a de “inscrição”, ou desenhos, em forma de marcas ou tatuagens no corpo.

Fonte: Hebraico.pro
A ser lido da esquerda para a direita.

Os dicionários bíblicos têm aceitado o substantivo “tatuagem” para traduzir a supracitada expressão hebraica. Veja alguns exemplos:

 “O termo k‘tõbet ocorre uma vez com o sentido de algo inscrito, especificamente uma ‘tatuagem’ (Lv 19.28).” – Dicionário Vine – o Signficiado Exegetico e Expositivo das Palavras do Antigo e do Novo Testamento (CPAD, verbete “Escrever”, p. 111).

Em Levítico 19.28, a proibição contra imprimir sinais sobre o corpo refere-se a tatuagens.” - Dicionário Bíblico Wycliffe (CPAD, 2007, verbete “Impressão, p. 962).

07085  קַעֲקַע qa‘aqa‘. Procedente da mesma raiz que 6970; DITAT – 2046ª; n. m. 1) incisão, impressão, tatuagem, marca.” Dicionário Bíblico Strong – Léxico Hebraico, Aramaico e Grego de Strong (2002, Sociedade Bíblica do Brasil).

O que dizem os comentaristas bíblicos

Ellicott's Commentary for English Readers (“Comentário de Ellicott para Leitores de Inglês”):

(28) Cortes em sua carne para os mortos. —Não era apenas o costume dos enlutados deixarem seus cabelos crescerem e usá-los de maneira desordenada (ver Levítico 10:6), mas os enlutados no Oriente até hoje fazem cortes e incisões em seus corpos em luto pelo morto. O israelita, porém, que foi criado à imagem de Deus e que deve ser tão santo quanto o Senhor é santo, não deve desfigurar seu corpo (ver Levítico 21:6Deuteronômio 14:1 etc.); ele não deve sofrer como outros que não têm esperança. Por transgredir esta lei, o ofensor recebeu quarenta açoites, menos um.

Nem imprima nenhuma marca em você. - Isso, de acordo com as autoridades antigas, era efetuado fazendo perfurações na pele para imprimir certas figuras ou palavras e, em seguida, preenchendo os locais cortados com stibium, tinta ou alguma outra cor. A prática da tatuagem prevalecia entre todas as nações da antiguidade, tanto entre selvagens como civilizadas. O escravo imprimia em seu corpo as iniciais de seu senhor, o soldado as de seu general e o adorador a imagem de sua divindade tutelar. Para evitar esta desfiguração do corpo que trazia a impressão da imagem de Deus, e ainda para exibir o emblema de seu credo, a Lei Mosaica decretou que o hebreu deveria ter filactérios que ele deve ligar como “um sinal” em sua mão, e como “um memorial” entre seus olhos “para que a lei do Senhor esteja em sua boca” (Êxodo 13: 9Êxodo 13:16Deuteronômio 6: 8Deuteronômio 11:18).

Barnes’ Notes on the Bible (“Notas de Barnes sobre a Bíblia”):

Imprima quaisquer marcas – A tatuagem provavelmente era praticada no antigo Egito, como agora é pelas classes mais baixas dos egípcios modernos, e estava ligada a noções supersticiosas. Qualquer desfiguração voluntária da pessoa era em si mesma um ultraje à obra de Deus e poderia muito bem ser objeto de uma lei. – Negrito acrescentado.

Jamieson-Fausset-Brown Bible Commentary (“Comentário da Bíblia Jamieson-Fausset-Brown”):

28. Não fareis cortes em vossa carne pelos mortos – A prática de fazer cortes profundos no rosto, braços e pernas, em tempos de luto, era universal entre os pagãos e era considerada um sinal apropriado de respeito pelos mortos, bem como uma espécie de oferta propiciatória às divindades que presidiam à morte e ao túmulo. Os judeus aprenderam este costume no Egito e, embora se afastassem dele, recaíram em uma era posterior e degenerada nesta velha superstição (Is 15: 2; Jr 16: 6; 41: 5).

Nem imprimir nenhuma marca em vocês – tatuando, gravando figuras de flores, folhas, estrelas e outros dispositivos fantasiosos em várias partes de sua pessoa. A impressão era feita ora por meio de ferro quente, ora por tinta ou pintura, como é feito pelas mulheres árabes de hoje e pelas diferentes castas dos hindus. É provável que uma forte propensão a adotar tais marcas em honra a algum ídolo tenha dado ocasião à proibição neste versículo; e foram sabiamente proibidos, pois eram sinais de apostasia; e, uma vez feitos, eram obstáculos insuperáveis ​​para um retorno. (Ver alusões à prática, Is 44: 5; Re 13:17; 14: 1). – Negrito acrescentado.

Gill's Exposition of the Entire Bible (“Exposição de Gill da Bíblia inteira”):

Não fareis cortes em vossa carne pelos mortos ... Seja com suas unhas, rasgando suas bochechas e outras partes, ou com qualquer instrumento, faca, navalha etc. Jarchi diz que era costume dos amorreus, quando alguém morria, cortar sua carne, como era dos citas, como Heródoto (d) relata, mesmo aqueles da família real; para um rei, eles cortam uma parte da orelha, raspam os cabelos em volta, cortam os braços, ferem a testa e o nariz e perfuram a mão esquerda com flechas; e assim os cartagineses, que poderiam recebê-lo dos fenícios, sendo uma colônia deles, costumavam arrancar seus cabelos e bocas em luto, e bater em seus seios (e); e com os romanos as mulheres costumavam rasgar suas bochechas de tal maneira que era proibido pela lei das doze tábuas, que alguns pensaram ter sido tirada daqui: e tudo isso foi feito para apaziguar as divindades infernais, e dar-lhes satisfação pelo falecido, e torná-los propícios a eles, como Varro (f) afirma; e aqui é dito que é feito “para a alma”, para a alma do falecido, para a honra dela e para o seu bem, embora a palavra seja frequentemente usada para um corpo morto

[…]

nem imprimir qualquer marca em vocês: Aben Ezra observa, há alguns que dizem que isso está em conexão com a cláusula anterior, pois havia quem marcou seus corpos com uma figura conhecida, queimando, pelos mortos; e ele acrescenta, e há até hoje aqueles que são marcados em sua juventude em seus rostos, para que sejam conhecidos; essas impressões ou marcas eram feitas com tinta ou chumbo preto, ou, no entanto, as incisões na carne foram preenchidas com isso; mas isso geralmente era feito como uma prática idólatra; assim diz Ben Gersom, este era o costume dos gentios nos tempos antigos, de imprimir em si mesmos a marca de um ídolo, para mostrar que eram seus servos; e a lei adverte contra fazer isso, como ele acrescenta, ao nome exaltado (o nome de Deus): na Misnah é dito (h), um homem não é culpado a menos que escreva o nome, como está dito, Levítico 19:28; que os talmudistas (i) e os comentaristas (k) interpretam do nome de um ídolo, e não de Deus:

Eu sou o Senhor; que só deve ser reconhecido como tal, obedecido e servido, e não qualquer deus estranho, cuja marca deva ser impressa neles. – Negrito acrescentado.

Keil and Delitzsch Biblical Commentary on the Old Testament (“Comentário Bíblico Keil e Delitzsch sobre o Antigo Testamento”):

“Não fareis cortes na vossa carne (corpo) por causa de uma alma, ou seja, uma pessoa morta (נפשׁ é igual a מת נפשׁLevítico 21:11Números 6:6 , ou מתDeuteronômio 14:1; então novamente em Levítico 22:4Números 5:2Números 9:6-7Números 9:10), nem façais gravações (ou marcações) sobre vós.” Duas proibições de desfiguração não natural do corpo. A primeira se refere a explosões apaixonadas de luto, comum entre as nações agitadas do Oriente, particularmente nas partes do sul, e ao costume de coçar os braços, mãos e rosto (Deuteronômio 14:1), que se diz ter prevalecido entre os babilônios e armênios (Cyrop. iii. 1, 13, iii. 3, 67), os citas (Herodes. 4, 71) e até mesmo os antigos romanos (cf. M. Geier de Ebraeor. luctu, c. 10), e a ser ainda praticado pelos árabes (Arvieux Beduinen, p. 153), os persas (Morier Zweite Reise, p. 189) e os abissínios dos dias atuais, e que aparentemente manteve sua posição entre os israelitas, apesar da proibição (cf. Jeremias 16:6 ; Jeremias 41:5 ; Jeremias 47:5), - bem como o costume, que também é proibido em Levítico 21:5 e Deuteronômio 14:1 , de cortar o cabelo da cabeça e da barba (cf. Isaías 3:24Isaías 22:12; Micah. Lv 1:16; Amós 8:10Ezequiel 7:18). […] A proibição de קעקע כּתבת, scriptio stigmatis, escrita corroída ou marcada (ver Ges. Thes. Pp. 1207-8), ou seja, de tatuagem,um costume não apenas muito comum entre as tribos selvagens, mas ainda encontrado na Arábia (Arvieux Beduinen, p. 155; Burckhardt Beduinen, pp. 40, 41) e no Egito entre homens e mulheres de classes inferiores (Lane, Manners and Customs i. Pp. 25, 35, iii. P. 169), – não tinha referência a usos idólatras, mas pretendia inculcar nos israelitas a devida reverência pela criação de Deus. – Negrito acrescentado. 

A septuaginta grega

καὶ ἐντομίδας ἐπὶ ψυχῇ οὐ ποιήσετε ἐν τῷ σώματι ὑμῶν

kaì entomídas epì psikhê ou poiésete en tôi sómati hymôn

e incisões por causa de uma alma não fareis em vosso corpo


καὶ γράμματα στικτὰ οὐ ποιήσετε ἐν ὑμῖν· ἐγώ εἰμι κύριος ὁ θεὸς ὑμῶν. 

kaì grámmata stiktà ou poiésete en hymîn. Egó eimi kýrios ho theòs hymôn

e pontos de desenhos não façais em vós. Eu sou Senhor o Deus de vós. 

A expressão em análise é grámmata stiktà. Grámma tem sido definida como “aquilo que é desenhado ou escrito” (Concordância de Strong; Concordância Exaustiva NAS). Quanto a στιγμή (stigmé), tem o sentido de “um ponto”, entre outros sentidos. Portanto, a expressão transmite a ideia de “pontos de desenhos”, o que se ajusta coerentemente a uma tatuagem.

Origem da palavra “tatuagem”

Em 1769, o navegador e capitão britânico James Cook chegou no Taiti, onde testemunhou pela primeira vez a prática de cortar a pele e injetar uma tinta preta para fazer desenhos permanentes no corpo. Os nativos utilizavam ossos finos como agulhas e um martelinho para a introdução da tinta na pele. Tal ação produzia um som que gerou a palavra onomatopaica tatau, e que o capitão Cook começou a chamar de tattow e, mais tarde, de tattoo. Assim, esta palavra, usada tanto como substantivo quanto como verbo, foi introduzida em 1769 na língua inglesa pelo capitão Cook. Ainda no final do século XVIII, a palavra chegou na língua francesa na forma verbal tatouer e como substantivo na forma tatouage. Na última década do século XIX, chegou aos dicionários de português no substantivo “tatuagem” e, oito anos depois, no verbo “tatuar”, de acordo com a datação do Dicionário Houaiss.

Breve história do desenvolvimento da tatuagem

Em 1991 foi descoberto o mais antigo registro de uma tatuagem no cadáver congelado de um homem, que foi datado de 3.300 anos antes de Cristo, encontrado nos Alpes, que continha 61 tatuagens, pelo que parece feitos com a fricção de carvão em cortes verticais feitos na pele. Os locais tatuados coincidem com pontos utilizados na acupuntura, o que parece indicar que o mais antigo uso de tatuagens estava relacionado com o uso medicinal.

No Antigo Egito, cerca de 3.100 antes de Cristo, a prática da tatuagem era reservada apenas para as mulheres, para marcar as pertencentes ao harém do rei e as sacerdotisas da deusa Hator. Assim, as tatuagens estavam ligadas a um motivo social e também a motivos religiosos, ritualísticos.

Desde o século 5 antes de Cristo, a tatuagem tornou-se uma prática muito difundida no Japão, sendo usada para enfeitar o corpo e também para marcar os criminosos.

Entre os romanos, os primeiros desenhos tatuados na pele visavam identificar escravos, condenados e criminosos. Com o tempo, as tatuagens começaram a ser usadas pelos soldados romanos, para de marcar soldados para evitar deserções; e, posteriormente, para marcar as vitórias conquistadas na guerra.

Na Idade Média, a prática foi banida em toda a Europa, por ter sido considerada uma profanação do corpo, visto na época como o templo do “Espírito Santo”. Tornou-se, assim, um pecado condenado pela Inquisição Católica.

Mas, durante as cruzadas dos séculos XI e XII, as tatuagens foram usadas para identificar os soldados de Jerusalém. Assim, aqueles que tivessem a cruz tatuada em seus corpos recebiam um enterro propriamente cristão se fossem mortos em batalhas.

Em 1891, o inventor americano Samuel O’Reilly patenteou a primeira máquina elétrica de tatuagem do mundo, deixando para trás as ferramentas tradicionalmente utilizadas no Ocidente.

Nos anos 2000, Carson Hill inventou a máquina pneumática, a qual, por ser movida a gás, pode ser esterilizada muito mais facilmente em aparelhos de desinfecção, reduzindo os riscos de se fazer uma tatuagem.


Levítico 19:28 relaciona a proibição de tatuagens com os mortos?


Algumas traduções de Levítico 19:28 dão a entender que as tatuagens, assim como os cortes no corpo, estão relacionadas com os mortos. Veja os exemplos abaixo:

“Quando lamentarem a morte de alguém, não façam cortes no corpo nem marcas na pele. Eu sou o Senhor.” – Nova Versão Transformadora; SBB parece seguir o mesmo modelo de tradução.

“Ou tatuem-se ou façam cortes em seu corpo para lamentar os mortos. Eu sou o SENHOR.” – Good News Translation.

"Não façam nenhum corte, nem marca nenhuma no corpo, como sinal de luto. Eu sou o Senhor.” – A Bíblia Viva.

A maioria das traduções pesquisadas, porém, verte de modo a afirmar que apenas os cortes estão relacionados com os mortos, a exemplo da versão Almeida Revisada Imprensa Bíblica, que traduz assim: “Não fareis lacerações na vossa carne pelos mortos; nem no vosso corpo imprimireis qualquer marca. Eu sou o Senhor.” – Veja também ARA, ACF, ARC, NAA, NVI, AM, NIV, NLT, ESV, BSB, KJ, KJ 2000, NKJ, AKJ,  NASB, NASB 1995, NASB 1977, AB, CSB, HCSB, ASV, LXX Brenton, DR, ERV, GWT, ISV, JPS Tanakh 1917, NET Bible, NHEB,  WEB, AFV, Db, WBT, GB 1587, BB 1568, WT 1526, CEB, RV.

Dicionário Bíblico Unger explana de modo a separar a prática da tatuagem dos rituais ligados aos mortos e ao paganismo em geral. Note seu comentário:

A passagem de Lv 19.28 proibe a desfiguração artificial do corpo. […] Esse último termo [heb. Qa‘ãqa‘, “incisão”) não está se referindo aos costumes pagãos; antes, intencionava implantar nos israelitas uma reverência adequada em relação à criação de Deus K & D., Com., ad loc.). – P. 803.

A obra Estudo Perspicaz das Escrituras (vol. 1, p. 1087, verbete “Tatuagem”) associa tal prática tanto ao paganismo como também ao desrespeito para com o corpo:

TATUAGEM

Marca ou desenho permanente na pele, feita por se cortar a pele para produzir cicatrizes, ou pela inserção de uma substância corante sob a pele. Os israelitas eram proibidos de praticar este costume, comum entre outros povos antigos. (Le 19:28) Por exemplo, houve épocas em que os egípcios tatuavam o nome ou o símbolo de suas deidades no peito ou nos braços. Por obedecerem à lei de Jeová, de não desfigurar o corpo, os israelitas se diferenciariam das outras nações. (De 14:1, 2) A proibição também inculcava neles o devido respeito pelo corpo humano como criação de Deus, a ser usado em honrá-lo. — Sal 100:3; 139:13-16; Ro 12:1.

Por outro lado, o comentário de rodapé da Bíblia de Jerusalém parece colocar as tatuagens como ritual ligado aos mortos:

Os vv. 27-28 proíbem os ritos de luto, considerados como marcados pelo paganismo (cf. ainda 21,5; Dt 14,1). Contudo, a sua prática é largamente confirmada (Js 3,24; Jr 16,6; 41,5; 47,5; 48,37; Am 8,10; Jó 1,20), e a referência a estes mesmos ritos em  Ez 7,18 mostra que, apesar desta condenação, continuaram a ser praticados, talvez porque se lhes atribuía uma significação religiosa de caráter penitencial (cf. Is 22,12).

O Professor de Hebraico e de Grego, Rubens D. Oliveira, explica:

Nós temos uma conjunção simples, que liga as duas frases. Aqui ocorre ukhëtovet qaaqa lo titënu (“e marcas de tatuagem não fareis”). Se fôssemos transmitir a ideia em hebraico clássico de que essa marca, ou impressão, de tatuagem (khëtovet qaaqa) aqui se referisse aos que morreram, não teríamos aqui um waw conjuntivo.

Já o versículo 29 mostra claramente a ligação entre a primeira e a segunda frase quando utiliza a forma vëlo: al-tëchalel et-bitëkha (“não profane a tua filha”) lëhazënotåh (“por fazer dela uma prostituta”) vëlo-tizëneh håårets – aí sim aqui: “para que não (a fim de que não) cometa prostituição nem o país deveras se encha de moral desenfreada”. Então aqui o vëlo faz a ligação.

Se o versículo 28 tivesse vëlo, estaria fazendo uma subordinação entre as duas frases; mas não, nós temos ukhëtovet. Esse “U” é a conjunção. O texto diz assim: vëseret (“e um corte”, mas pode ser traduzido também “cortes”, porque é um singular coletivo) lånefesh (“em prol de uma alma”) lo titënu (“não farás”) bivësarëkhem (“nas vossas carnes”). Daí o texto prossegue, usando um Waw conjuntivo –“U” (não um waw consecutivo, que normalmente vem com um verbo em seguida; o que não ocorre aqui). E a palavra seguinte é um substantivo feminino singular no estado construto: ukhëtovet (construto porque termina com et, indicando impressão de; marca de) qaaqa (o mesmo que “tatuagem”), produzindo a expressão “e impressão de tatuagem”; lo titënu båkhem (“não fareis em vocês”); Any Yhvh (“Eu sou Jeová”).

O ponto alto é que vem uma conjunção aditiva – “e”. De acordo com a parte sintática, você tem a classe gramatical de um waw conjuntivo, de uma conjunção, indicando uma frase ligada a outra por uma conjunção: “Não deveis fazer um corte na carne” E “não deveis fazer uma impressão de tatuagem”. Logo após a conjunção waw você não tem um verbo, o que não torna um waw conversivo, nem um waw consecutivo.

Assim, de acordo com o eminente conhecedor do Hebraico acima, a sintaxe da estrutura textual de Levítico não determina que a proibição de os israelitas fazerem tatuagens tenha relação com os mortos.

Embora a palavra “tatuagem” seja relativamente recente, ela atualmente descreve a prática milenar de fazer desenhos e pinturas de modo permanente na pele. Por isso, diversas traduções da Bíblia usam-na para traduzir as palavras hebraicas que descrevem a mesma prática.

Quanto a uma possível posição bíblica equilibrada sobre o assunto de o cristão fazer tatuagens, veja os artigos abaixo:

“Decorar o corpo — é preciso ter bom senso” 

“O que a Bíblia diz sobre tatuagens?”  


Nota:

[1] Hebraico.pro. disponível em: <https://www.hebraico.pro.br/>.


Explicação das siglas usadas:

AB: Amplified Bible.

ACF: Almeida Corrigida e Revisada Fiel.

AFV: A Faithful Version

AKJ: American King James Version.

AM: Ave Maria (tradução católica).

ARA: Almeida Revista e Atualizada.

ARC: Almeida Revista e Corrigida.

ASV: American Standard Version.

BB 1568: Bishops' Bible de 1568.

BSB: Berean Study Bible.

CEB: Common English Bible.

CSB: Christian Standard Bible.

Db: The ‘Holy Scriptures’ (Edição de 1949), de John Nelson Darby.

DR: Tradução da Bíblia da Vulgata latina para o Inglês feita por membros do Colégio católico Inglês Douay. O Novo Testamento parte foi publicada em Reims, França, em 1582.

ERV: English Revised Version.

ESV: English Standard Version.

GB 1587: Geneva Bible, de 1587.

GWT: God's Word Translation.

HCSB: Holman Christian Standard Bible.

ISV: International Standard Version.

JPS Tanakh 1917: Jewish Publication Society AT.

KJ: King James Version.

KJ 2000: King James Version 2000.

LXX Brenton:  Tradução de Lancelot Charles Lee Brenton, do Antigo Testamento da Septuaginta.

NAA: Nova Almeida Atualizada.

NAS, NASB: New American Standard Bible.

NHEB: New Heart English Bible.

NIV: New International Version.

NLT: New Living Translation.

NKJ: New King James Version.

NVI: Nova Versão Internacional.

RV: Versão em espanhol Reina-Valera, de Casiodoro de Reina e de Cipriano de Valera. 1989.

SBB: Sociedade Bíblica Britânica.

WBT: Webster's Bible Translation. Tradução de Noah Webster, século 19.

WEB: World English Bible.

WT 1526: William Tyndale Bible, de 1526.

 

Referências: 

A HISTÓRIA DA TATUAGEM. Inkertattoo. Disponível em: <https://inkertattoo.com.br/historia-da-tatuagem/>. 

Como surgiu a tatuagem? Por Redação Mundo Estranho. Superinteressante. Atualizado em 4 jul 2018, 20h27. Publicado em 18 abr 2011, 18h55. Disponível em: <https://super.abril.com.br/mundo-estranho/como-surgiu-a-tatuagem/>. 

CONHEÇA A HISTÓRIA DA TATUAGEM E SUA EVOLUÇÃO. Find Tattoo. Disponível em: <https://findtattoo.com.br/curiosidades/conheca-a-historia-da-tatuagem-e-sua-evolucao/>. 

Entomís. ντομίς. KOINE GREEK LEXICON. Disponível em: <https://www.motorera.com/greek/lexicon/en.html>. 

É pecado fazer tatuagem? O que a Bíblia diz sobre marcar o corpo e fazer tatuagens. Mundo Gospel. 30/09/2017, às 10:33. Atualizada em 25/01/2021, às 10:02. Disponível em: <https://www.sidrolandianews.com.br/noticia/variedades/e-pecado-fazer-tatuagem-o-que-a-biblia-diz-sobre-marcar-o-corpo-e-fazer-tatuagens>. 

É pecado fazer uma tatuagem? Onde está escrito na Bíblia? Uma janela sobre o mundo bíblico. Disponível em: <https://www.abiblia.org/>. 

Hermenêutica Bíblica das Tatuagens. Soli Deo Gloria. Disponível em: <https://solideogloriaa.wordpress.com/2013/02/17/hermeneutica-biblica-das-tatuagens/>. 

História da Tatuagem. História do Mundo. Disponível em: <https://www.historiadomundo.com.br/curiosidades/historia-da-tatuagem.htm>. 

HISTÓRIA, SIGNIFICADOS E IDEIAS DE TATUAGENS EGÍPCIAS PARA OS FASCINADOS PELA ÉPOCA ANTIGA. FTC. Disponível em: <https://followthecolours.com.br/tattoo-friday/tatuagens-egipcias/>. 

Levítico 19. Hebraicopro. Disponível em: <https://hebraico.pro.br/>. 

Levítico 19:28. Bible Hub. Disponível em: <https://biblehub.com/commentaries/leviticus/19-28.htm>. 

______. Bible Hub. Disponível em: <https://biblehub.com/leviticus/19-28.htm>. 

______. Bible Hub. Disponível em: <https://biblehub.com/parallel/leviticus/19-28.htm>. 

______. Bíbliaon. Disponível em: <https://www.bibliaon.com/versiculo/levitico_19_28/>. 

______. Bíblia Pastoral. Disponível em: <http://www.paulus.com.br/biblia-pastoral/_P3A.HTM>. 

______. Bíblia Português. Disponível em: <https://bibliaportugues.com/leviticus/19-28.htm>. 

______. Bíblia Viva. Bibliatodo. Disponível em: <https://www.bibliatodo.com/pt/biblia/biblia-viva/levitico-19-28>. 

______. Common English Bible. Bible Study Tools. Disponível em: <https://www.biblestudytools.com/ceb/leviticus/19.html>. 

______. Compare as traduções para Levítico 19:28. Bible Study Tools. Disponível em: <https://www.biblestudytools.com/leviticus/19-28-compare.html>. 

______. Estudo de Levítico 19:28 – Comentado e Explicado. Versículos Comentados. Disponível em: <https://versiculoscomentados.com.br/index.php/estudo-de-levitico-19-28-comentado-e-explicado/>. 

______. Septuaginta grega. Academic Bible. Disponível em: <https://www.academic-bible.com/>. 

______. Versão Fácil de Ler. Disponível em: <https://www.bible.com/pt/bible/200/LEV.19.VFL>. 

Marques, Edy. Não confunda dogmas humanos com doutrinas bíblicas: Tatuagem não é pecado. Disponível em: <https://cristianismounderground.blogspot.com/2015/08/nao-confunda-dogmas-humanos-com.html>. 

1121. gramma. Concordância de Strong. Disponível em: <https://biblehub.com/greek/1121.htm>. 

Onde na Bíblia fala sobre tatuagens? Uma janela sobre o mundo bíblico. Disponível em: <https://www.abiblia.org/ver.php?id=7805>. 

O que a Bíblia diz sobre tatuagem? Respostas Bíblicas. Disponível em: <https://www.respostas.com.br/o-que-a-biblia-diz-sobre-tatuagem/>.

O que a Bíblia diz sobre tatuagens? Testemunhas de Jeová. Disponível em: <https://www.jw.org/pt/ensinos-biblicos/perguntas/biblia-diz-sobre-tatuagens/>. 

Peres, Rafaella Lopes Pereira. Etimologia e semântica da palavra tatuagem. Ruta – Revista Universitaria de Trebalis Acadèmics.

Disponível em: <https://core.ac.uk/download/pdf/78526404.pdf>. 

Psicólogo explica porque a tatuagem vai além de um significado ou modismo. Serifa – comunicação Integrada. Disponível em: <https://www.serifacomunicacao.com.br/release/psicologo-explica-porque-a-tatuagem-vai-alem-de-um-significado-ou-modismo/>. 

Qaaqa. Dicionário Hebraico-Inglês. Disponível em <https://pt.contdict.com/>. 

______. Dicionário Klein. Sefaria. Disponiv el em: <https://www.sefaria.org/Klein_Dictionary>. 

4743. stigmé. Concordância de Strong. Bible Hub. Disponível em: <https://biblehub.com/greek/4743.htm>. 

7085. qaaqa. Bible Hub. Disponível em: <https://biblehub.com/hebrew/7085.htm>. 

Sobre tatuagem: A Bíblia condena ou apoia? Disponível em: <https://guiame.com.br/colunistas/bruno-dos-santos/sobre-tatuagem-biblia-condena-ou-apoia.html>. 

Strong's #7085 – קַעֲקַע. Bible Lexicons. Old Testament Hebrew Lexical Dictionary. Disponível em: <https://www.studylight.org/lexicons/eng/hebrew/7085.html>. 

TATTOO: qual é o significado e a origem da palavra “TATTOO”? SAP. Disponível em: <https://www.teclasap.com.br/tattoo/>. 

Tatuagem, do Taiti para o mundo. Veja. Disponível em: <https://veja.abril.com.br/blog/sobre-palavras/tatuagem-do-taiti-para-o-mundo/>. 

Tatuagem. O que a Bíblia diz. Revista A Boa Nova. Disponível em: <https://portugues.ucg.org/a-boa-nova/blogs/tatuagem-o-que-a-biblia-diz>. 

TATUAGENS FIGURATIVAS MAIS ANTIGAS DO MUNDO ENCONTRADAS EM MÚMIAS EGÍPCIAS. AH – Aventuras na História. Disponível em: <https://aventurasnahistoria.uol.com.br/noticias/historia-hoje/tatuagens-mais-antigas-do-mundo-sao-encontradas-em-mumias-do-egito.phtml>. 

Translation of "קעקע" in English. ReversoContext. Disponível em: <https://context.reverso.net/translation/hebrew-english/>. 

Versículos sobre Tatuagem. Bíbliaon. Disponível em: <https://www.bibliaon.com/tatuagem/>. 

VOCÊ SABE QUAIS SÃO AS ORIGENS DA TATUAGEM? Megacurioso. Disponível em: <https://www.megacurioso.com.br/tatuagens/>. 

What does קַעֲקַע mean in Hebrew? Wordhippo. Disponível em: <https://www.wordhippo.com/what-is/the-meaning-of/hebrew-word>.

 

A menos que haja uma indicação, todas as citações bíblicas são da Tradução do Novo Mundo da Bíblia Sagrada, publicada pelas Testemunhas de Jeová.

  

Contato: oapologistadaverdade@gmail.com 

Os artigos deste site podem ser citados ou republicados, desde que seja citada a fonte: o site www.oapologistadaverdade.org

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 



Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *