Image Map











terça-feira, 24 de março de 2015

Quem é Miguel, o arcanjo? (Parte 2)


O artigo anterior considerou o que a Bíblia comenta sobre a identidade de Miguel, o arcanjo. Após isso, focou em duas formas de traduzir 1 Tessalonicenses 4:16.

Alistam-se abaixo duas traduções, cada uma vertendo de uma forma diferente:

“Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus.” – Al.

“Porque o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, à voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus.” – IBB.

A segunda forma de traduzir abriu margem para alguns arguirem que ‘o arcanjo é que estaria anunciando a vinda de Jesus, e não que o próprio Jesus tem a voz de arcanjo’.

Porém, qual tipo de versão está de acordo com a Bíblia como um todo?

Segue abaixo o texto grego desse trecho do versículo e a tradução literal interlinear:

ὅτι αὐτὸς  κύριος ἐν κελεύσματι,
porque o próprio Senhor com chamada dominante, 

ἐν φωνῇ  ἀρχαγγέλου 
com voz de arcanjo,  

καὶ ἐν σάλπιγγι θεοῦ, καταβήσεται ἀπ'οὐρανοῦ
e com a trombeta de Deus, descerá do céu

A diferença das duas maneiras de traduzir consiste na preposição έν (en) com dativo, a preposição mais comum no “Novo Testamento”, que é usada em uma grande variedade de sentidos.

Ela ocorre antes das três expressões: “chamada dominante”, “voz de arcanjo” e “a trombeta de Deus”.

Neste respeito, a IBB não mantém a coerência, pois traduz en por “com” na expressão “COM grande brado”, mas difere na tradução nas expressões “À voz do arcanjo” e “AO som da trombeta de Deus

A ALA perverte inteiramente o texto ao acrescentar palavras (sem indicar o acréscimo), tais como “dada a sua”, “ouvida” e “ressoada”.

Mas, não poderia haver uma tradução que, ao invés de a preposição “com” (indicando que os atos são feitos por Cristo, usasse coerentemente uma tradução de en que indicasse que os atos descrito no texto não são de Cristo? Vejamos esta tradução:

“Porque o próprio Senhor descerá do céu à chamada dominante, à voz de arcanjo e à trombeta de Deus, e os que estão mortos em união com Cristo se levantarão primeiro.”

Teria coerência doutrinal essa tradução? Ela daria a entender que Cristo age quando recebe uma “chamada dominante”, quando chamado pela “voz de arcanjo” e “pela trombeta de Deus”.

Contudo, vale ressaltar que o contexto diz respeito à ressurreição dos cristãos com esperança celestial. Portanto, está falando da ação de Cristo em tal atividade. Cristo é que faz tal “chamada dominante” para os adormecidos na morte, e ele é quem toca a “trombeta de Deus” para figurativamente ‘acordar’ tais mortos.

É nesse contexto que Paulo, em outra de suas cartas, usa a palavra “trombeta”:

“Eis que eu vos digo um segredo sagrado: Nem todos adormeceremos na morte, mas todos seremos mudados, num momento, num piscar de olhos, durante a última trombeta. Pois a trombeta soará, e os mortos serão levantados incorruptíveis, e nós seremos mudados.” – 1 Coríntios 15:51, 52.

Portanto, a figurativa trombeta é usada para chamar os mortos à vida, e NÃO Cristo à alguma atividade.

Assim, fica teologicamente imprópria a tradução que afirma que Cristo age “ao som da trombeta de Deus” e “ressoada a trombeta de Deus”.

Visto que é Cristo quem faz a “chamada dominante”, que usa a figurativa “trombeta de Deus”, então é ELE quem usa a “voz de arcanjo”. A voz de arcanjo é relacionada com o poder de ressuscitar.

E, assim sendo, somente o arcanjo poderia chamar com “voz de arcanjo”. Se alguém imitar uma voz que não seja a dele, seria considerado um impostor. Se alguém exercer uma autoridade que  não lhe cabe, seria um usurpador. Logo, o Senhor Jesus Cristo, que descerá do céu com voz de arcanjo, não pode ser outro senão o próprio arcanjo. E, como o único arcanjo é Miguel, a Bíblia identifica claramente Jesus como sendo Miguel, o arcanjo.

Mas, que dizer da questão que foi trazida por um leitor na parte 1 desta série envolvendo Hebreus 2:16 e Daniel 10:13?

O primeiro texto diz que Jesus “não auxilia em nada os anjos”, ao passo que o segundo descreve a ajuda que Miguel, o arcanjo, prestou a um anjo.

O próximo artigo abordará essa aparente discrepância.

Siglas das traduções:

Al - Almeida Revista e Corrigida
ALA - Almeida Atualizada
IBB - Almeida da Imprensa Bíblica Brasileira



A menos que haja uma indicação, todas as citações bíblicas são da Tradução do Novo Mundo das Escrituras Sagradas, publicada pelas Testemunhas de Jeová.




Os artigos deste site podem ser citados ou republicados, desde que seja citada a fonte: o site www.oapologistadaverdade.org





2 comentários:

  1. Apologista eu já vi o argumento que se a voz de arcanjo indica que Jesus é o arcanjo a expressão trombeta de DEUS significaria que ele é Deus.Mas o artigo diz que ele apenas "usa" a trombeta de Deus.
    Gostei do artigo muito bom ,depois quero sugerir ainda dentro do tema a consideração de uma objeção feito por alguns.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom. isto sera util para mim. obrigado

    ResponderExcluir


Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *