Image Map











quarta-feira, 25 de março de 2015

Quem é Miguel, o arcanjo? (Parte final)

Nesta parte da série acima, será abordada uma argumentação por parte daqueles que negam a clara identificação de Jesus Cristo com Miguel, o arcanjo. (Veja a parte 1.)

A argumentação proposta é a seguinte: Hebreus 2:16 diz que Jesus “não auxilia em nada os anjos”, ao passo que Daniel 10:13 descreve a ajuda que Miguel, o arcanjo, prestou a um anjo. Assim, segundo eles, Jesus não poderia ser Miguel, o arcanjo.

(Hebreus 2:16) Pois ele realmente não auxilia em nada os anjos, mas auxilia o descendente de Abraão.

(Daniel 10:13) Mas o príncipe do domínio real da Pérsia opôs-se a mim por vinte e um dias, e eis que veio ajudar-me Miguel, um dos mais destacados príncipes; e eu, da minha parte, permaneci ali ao lado dos reis da Pérsia.

O problema é que tal argumentação desconsidera totalmente o que o escritor de Hebreus estava dissertando em sua carta. Por isso, para nortear a apresentação do que Paulo queria dizer em Hebreus 2:16, perguntamos: em que sentido Jesus “não auxilia em nada os anjos, mas auxilia o descendente de Abraão”?

O capítulo 2 de Hebreus centraliza seu foco em “uma salvação de tal magnitude, … que começou a ser anunciada por intermédio do nosso Senhor”. (Hebreus 2:3) O assunto era a salvação dos fiéis. Anjos não precisam de salvação.

Logo à frente em sua argumentação, Paulo refere-se a Jesus como “Agente Principal da salvação deles”. (Versículo 10b) Quem são ‘eles’? Não os anjos, mas os cristãos ‘trazidos como filhos à glória’ (Versículo 10a), que Cristo chama de “irmãos” (Versículo 11) Tais cristãos com esperança celestial constituem coletivamente o “descendente de Abraão”. (Versículo 16) Como disse Paulo em Gálatas 3:29: "Se pertenceis a Cristo, sois realmente descendente de Abraão."

Perceba o leitor que o tema envolvido era a SALVAÇÃO dos cristãos fiéis. E, no contexto da salvação, anjos não são mesmos ‘auxiliados’.

À base desse simples exame do contexto, causa assombro aos sinceros pesquisadores da Bíblia que pessoas desinformadas, despreparadas, usem textos isolados, com total desconsideração pelo contexto, para tentar provar suas próprias crenças sem fundamentação.



A menos que haja uma indicação, todas as citações bíblicas são da Tradução do Novo Mundo das Escrituras Sagradas, publicada pelas Testemunhas de Jeová.




Os artigos deste site podem ser citados ou republicados, desde que seja citada a fonte: o site www.oapologistadaverdade.org





2 comentários:

  1. Caro Apolo, será que poderia fazer também, algumas considerações a respeito, de Jesus ter censurado Satanas, enquanto Miguel precisou recorrer a Jeová? É um argumento que eu também já ouvi. Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado, irei dar atenção a esse aspecto num artigo futuro.Obrigado pela sugestão.

      Excluir


Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *