Image Map











domingo, 16 de setembro de 2018

Como Isaías 63:9 deve ser traduzido?


Fonte: jw.org

Referente ao texto de Isaías 63:9, um leitor perguntou:

Por que a Bíblia de Jerusalém e a Nova Tradução na Linguagem de Hoje diferem tão drasticamente das outras traduções da Bíblia? Quem é o anjo da presença de Deus? Seria Gabriel? 

Resposta:

Vejamos o texto em apreço nas duas traduções citadas pelo leitor:

Bíblia de Jerusalém:

“Em todas as suas agruras, não foi mensageiro ou anjo, mas a própria face que os salvou. No seu amor e na sua misericórdia, ele mesmo os resgatou: ergueu-os e carregou-os, durante todo o tempo passado.”

Nova Tradução na Linguagem de Hoje (NTLH):

Quem os salvou foi ele mesmo, e não um anjo ou qualquer outro mensageiro. Por causa do seu amor e da sua compaixão, ele os salvou. E todos os dias, ano após ano, ele os pegava e carregava no colo.”

Outras traduções vertem de forma similar:

“Não era um mensageiro nem um anjo, mas sua própria Face que os salvava.” – Ave Maria.

“Ele mesmo, pessoalmente, os salvou.” – Bíblia Viva.

“Quem os salvou não foi um enviado ou mensageiro, mas o próprio Javé.”  – Bíblia Pastoral.

Por outro lado, a forma majoritária de traduzir nas traduções pesquisadas verte de modo a afirmar que quem salvou os israelitas no deserto foi o anjo (ou “mensageiro”) da presença (ou “da face”) de Deus. Veja os exemplos abaixo:

“E o seu mensageiro pessoal os salvou.” – NM.

“O anjo da sua presença.” – ARA, NVI, ACF, ARIB, o Livro.

“O Anjo da sua presença.” – ARC.

“O anjo da sua face.” Reina-Valera 1995, SBB.

O texto hebraico – o que diz?

O texto hebraico de Isaías 63:9 usa a expressão ומלאך פניו (mal’ akh panim, ou mal'ak ha-panim), que significa “anjo da sua face”, ou “anjo da sua presença”. A Bíblia judaica traduz por “o mensageiro celestial da sua presença”.



Por que algumas versões da Bíblia vertem de forma diferente

A resposta está no fato de seguirem a tradução da Versão dos Setenta, ou Septuaginta. Observe como a Septuaginta verte Isaías 63:9:

ἐκ πάσης θλίψεως αὐτῶν.
Ek páses thlípseos autôn.
de toda a sua aflição

οὐ πρέσβυς οὐδὲ ἄγγελος, ἀλλ᾿ αὐτὸς Κύριος ἔσωσεν αὐτοὺς
ou présbys oudè ággelos, all’ autòs Kýrios ésosen autoùs
Não um embaixador nem um mensageiro [anjo], mas o próprio Senhor os salvou

διὰ τὸ ἀγαπᾶν αὐτοὺς καὶ φείδεσθαι αὐτῶν·
dià tò agapân autoùs kaì feídesthai autôn.
porque os amava e os poupava

αὐτὸς ἐλυτρώσατο αὐτοὺς καὶ ἀνέλαβεν αὐτοὺς
autòs elytrósato autoùs kaì anélaben autoùs
ele mesmo os remiu, e os tomou

καὶ ὕψωσεν αὐτοὺς πάσας τὰς ἡμέρας τοῦ αἰῶνος.
kaì hýpsosen autoùs pásas tàs heméras toû aiônos.
e os levantou todos os dias da antiguidade.




Já a Vulgata latina de Jerônimo segue o texto hebraico:

in omni tribulatione eorum non est tribulatus et angelus faciei eius salvavit eos in dilectione sua et in indulgentia sua ipse redemit eos et portavit eos et levavit eos cunctis diebus saeculi. (“Em toda a angústia deles ele ficou angustiado, e o anjo da sua presença os salvou no seu amor e na sua compaixão deles, ele os remiu; e os tomou, e os conduziu todos os dias da antiguidade.”)

A Vulgata usa a expressão et angelus faciei eius salvavit (“e o anjo da sua presença os salvou”).



Quem salvou Israel?

Lemos em Êxodo 14:19, 30: “Então o anjo do verdadeiro Deus, que ia à frente do povo de Israel, se afastou e foi para a retaguarda, e a coluna de nuvem que estava na frente deles se moveu para a retaguarda e ficou atrás deles. Assim, naquele dia, Jeová salvou Israel das mãos dos egípcios, e Israel viu os egípcios mortos à beira do mar.” E Êxodo 23:20 ainda acrescenta: “Enviarei um anjo à sua frente para protegê-lo pelo caminho e para fazê-lo entrar no lugar que preparei.”

O Salmo 3:8 declara: “A salvação pertence a Jeová.” (Veja também Provérbios 21:31) Outros textos confirmam esse fato:

“A salvação dos justos vem de Jeová; ele é a sua fortaleza no tempo da aflição.” – Salmo 37:39.

“A salvação, a glória e o poder pertencem ao nosso Deus.” – Apocalipse 19:1.

Por outro lado, embora toda salvação legítima tenha a Deus como fonte, ele por vezes utiliza seres humanos ou seres celestiais para produzir a salvação de seus servos leais. Isaías 63:9 mostra que Jeová usou “seu mensageiro [anjo] pessoal” para salvar os israelitas. E isto está em harmonia com o relato de Êxodo.

Quem é o anjo da presença de Deus?


Com efeito, a Bíblia faz alusão a Jesus na sua existência pré-humana como sendo o anjo que Jeová designou para conduzir os israelitas à Terra Prometida. Lemos em Isaías 63:9: “Seu próprio mensageiro pessoal os salvou.” Outras traduções vertem por “o anjo da sua face”, (Al) e “o Anjo da sua presença”. (ALA) Contudo, ele é mencionado como “um anjo” e chamado por Jeová de “meu anjo”. (Êxodo 23:20, 23; 32:34) A clara distinção entre tal anjo – identificado como o pré-humano Filho de Deus – e o próprio Jeová reside no fato de que Jeová disse que enviaria tal anjo mas que ele mesmo não iria no meio de Israel. Apenas com a fervorosa súplica de Moisés é que Jeová assentiu, dizendo: “Minha própria pessoa irá junto.” (Êxodo 33:14-17) Encontramos outra evidência clara dessa distinção na conversa do anjo de Jeová com o próprio Jeová. – Zacarias 1:12, 13.

Mesmo após ter vindo à Terra, Jesus continuou sendo apresentado como o instrumento de Jeová para a salvação da humanidade, conforme demostram os textos abaixo:

 “Porque meus olhos viram teu meio de salvação.” – Lucas 2:30.

“E todos verão a salvação por Deus.” – Lucas 3:6.

“Pois Deus não enviou seu Filho ao mundo para que ele julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por meio dele.” – João 3:17.

“Segundo a sua promessa, da descendência daquele homem Deus trouxe a Israel um salvador, Jesus.” Atos 13:23.

“Além disso, nós mesmos vimos e agora damos testemunho de que o Pai enviou seu Filho como Salvador do mundo.” – 1 João 4:14.

Conclusão

As traduções da Bíblia que omitem a expressão “anjo da sua face [ou: da sua presença]” e que apresentam Deus afirmando que ele salvou diretamente o povo israelita baseiam-se na tradução da Septuaginta. Na realidade, tais versões da Bíblia fizeram uma tradução de uma tradução. Por outro lado, as traduções bíblicas que usam a expressão “anjo da sua presença” traduzem de acordo com o texto da língua original predominante do Velho Testamento – o hebraico. Esta última forma de traduzir está em harmonia com o inspirado relato histórico do livro de Êxodo.

Artigos relacionados:

 “O anjo de Jeová não é o próprio Jeová”

“Debate sobre se o anjo de Jeová é o próprio Jeová”

“Debate sobre o anjo de Jeová”



Explicação das siglas usadas:

ACF: Almeida Corrigida e Revisada Fiel.
ARA e ALA: Almeida Revista e Atualizada.
ARIB: Almeida Revisada Imprensa Bíblica.
ARC e Al: Almeida Revista e Corrigida.
NM: Tradução do Novo Mundo.
NVI: Nova Versão Internacional.
SBB: Sociedade Bíblica Britânica.


Referências:


Bíblia Hebraica. Disponível em: <https://www.cafetorah.com/livro-de-isaias-2/>.


Bíblia Hebraica. Disponível em: <http://www.hebraico.pro.br/>.




Septuaginta. Bible Database. Greek OT (Septuagint/LXX). Disponível em: <https://bibledatabase.net/html/septuagint/23_063.htm>.


Septuaginta. Bibiotheca Augustana. σαας. Disponível em: <http://www.hs-augsburg.de/~harsch/graeca/Chronologia/S_ante03/VT/vte_pd45.html>.



Septuaginta. English Translation of the Greek Septuagint Bible. The Translation of the Greek Old Testament Scriptures, Including the Apocrypha.
Compiled from the Translation by Sir Lancelot C. L. Brenton 1851.
Disponível em: <http://ecmarsh.com/lxx/Esaias/index.htm>.

Septuaginta.  Kata Biblon Greek Septuagint and Wiki English Translation. Disponível em: <http://en.katabiblon.com/us/index.php?text=LXX&book=Is&ch=63>.


Septuaginta. Three Millennia of Greek Literature. The Greek Old Testament (Septuagint). Disponível em: <https://www.ellopos.net/elpenor/greek-texts/septuagint/chapter.asp?book=43&page=63>.

 


A menos que haja uma indicação, todas as citações bíblicas são da Tradução do Novo Mundo da Bíblia Sagrada, publicada pelas Testemunhas de Jeová.



Os artigos deste site podem ser citados ou republicados, desde que seja citada a fonte: o site www.oapologistadaverdade.org




Um comentário:

  1. Lembrando que até MESMO o Livro de Isaías achado entre os manuscritos do mar Morto TAMBÉM diz "o anjo da sua presença os salvou":
    Capítulo 63: Versículo 9
    Em toda a angústia deles não estava angustiado, mas o anjo da sua presença que os salvou; em seus atos de amor e em sua piedade ele os redimiu; ele os carregou e os levantou todos os dias da antiguidade.

    Tradução: Professor Peter Flint (Universidade Trinity Western, Canadá) e Professor Eugene Ulrich (Universidade de Notre Dame)

    ResponderExcluir


Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *