Image Map











sexta-feira, 13 de março de 2020

Há contradição em Gálatas 6:2 e 5? (Parte 3, Final)

Fonte: jw.org

A parte 1 desta série examinou como diversas traduções da Bíblia vertem Gálatas 6:2 e 5 de modo a criar confusão e contradição entre os dois versículos. (Para ler a parte 1, clique aqui.) A parte 2 analisou o sentido das duas palavras gregas envolvidas, de acordo com dicionários do texto grego usado na Bíblia. (Para ler a parte 2, clique aqui.Este artigo traz à luz as traduções da Bíblia que traduzem corretamente os versículos envolvidos, de modo a dar o sentido correto intencionado pelo escritor de Gálatas.

Traduções que vertem Gálatas 6:2, 5 de modo coerente

Tradução do Novo Mundo:

“Continuem levando os fardos uns dos outros e, dessa maneira, vocês cumprirão a lei do Cristo.” – Gálatas 6:2.

“Pois cada um levará a sua própria carga.” – Gálatas 6:5.

Nova Versão Internacional:

“Levem os fardos pesados uns dos outros e, assim, cumpram a lei de Cristo.” – Gálatas 6:2.

“Pois cada um deverá levar a própria carga.” – Gálatas 6:5.

Nova Versão Transformadora:

“Ajudem a levar os fardos uns dos outros.” – Gálatas 6:2.

“Porque cada um de nós é responsável pela própria conduta.” – Gálatas 6:5.

O Livro:

“Partilhem uns com os outros o peso das vossas dificuldades, e assim cumprirão o mandamento de Cristo.” – Gálatas 6:2.

“Cada um terá de suportar as suas próprias responsabilidades.” – Gálatas 6:5.

Bible in Basic English:

“Enfrentem os problemas uns dos outros.” – Gálatas 6:2.

“Porque todo homem é responsável por sua parte no trabalho.” – Gálatas 6:5.

 Bible in Worldwide English NT:

“Ajudem-se mutuamente em seus problemas.” – Gálatas 6:2.

“Cada homem deve carregar sua própria carga.” – Gálatas 6:5.

As outras ocorrências de fortíon no texto neotestamentário

Mateus 11:30:
τὸ φορτίον μου ἐλαφρόν ἐστιν.
tò fortíon mou elafrón estin.
A carga   minha   leve         é.

Embora algumas traduções vertam por “o meu fardo é leve”, dois motivos levam à preferência do vocábulo “carga”. Primeiro, o significado de fortíon. Segundo, a coerência textual. Pois uma carga não diz respeito ao peso. Refere-se apenas a algo que se carrega. E, metaforicamente, à responsabilidade individual de cada cristão. Assim, a carga (fortíon; a responsabilidade como cristão) que Jesus delega a seus seguidores é leve; não é um fardo (báros, algo pesado).

Lucas 11:46:
φορτίζετε τοὺς ἀνθρώπους φορτία δυσβάστακτα.
Fortízete toùs anthrópous fortía dysbástakta.
Carregais os homens com cargas difíceis de levar,

καὶ αὐτοὶ ἑνὶ τῶν δακτύλων ὑμῶν οὐ προσψαύετε 
kaì autoì henì tôn daktýlon hymôn ou prospsaúete
e mesmo com um dos dedos de vós não tocais

τοῖς φορτίοις.
Toîs fortíois.
nas cargas.

Assim como fortíon é “carga” e não “fardo”, o verbo cognato φορτίζω (fortízo) significa “fazer alguém carregar alguma coisa” (Léxico do Novo Testamento, de Gingrich e Danker). Fortíon destaca que algo é carregado, e não que é necessariamente pesado. Prova adicional disso é que, para destacar o fator peso, o vocábulo fortíon veio acompanhado do adjetivo δυσβστακτα (dysbástakta), acusativo neutro plural de dysbástaktos, que significa “difícil de suportar”. (Lexico do Novo Testamento Grego / Português, de F. Wilbur Gingrich, revisado por Frederick W. Danker).

A versão Almeida Corrigida Fiel traduz assim: “Que carregais os homens com cargas difíceis de transportar, e vós mesmos nem ainda com um dos vossos dedos tocais essas cargas.”

O texto paralelo, de Mateus 23:4, usa a expressão φορτα βαρα (fortía baréa), que significa “cargas pesadas”. Fortía (“cargas”, substantivo acusativo neutro plural de fortíon) e baréa (“pesadas”, declinação do adjetivo barýs, “pesado”), termo cognato de báros (“fardo”, “peso”).

Atos 27:10:

“Dizendo-lhes: Senhores, vejo que a navegação há de ser incômoda, e com muito dano, não só para o navio e carga [το φορτου; toû fortíou], mas também para as nossas vidas.” – ACF; veja também ARIB; ARA; ARC; ARC 1969; NAA; NVI; NVT; OL; SBB; AM; ACV; AKJ; ASV; BBE; BWE; Db; Dg; DR; EJ 2000; EMTV; GB; ISV; JWB; KJ 2000; KJV; LO; MKJ; MNT; NHEB; NIV; NSB; RW; RSV; RVV; RYLT; Ro; TCE; TR; UB; UKJ; VW; WBT; Wes; Wey; WT; WEB; WEBB; WMB; WMBB; YLT; LSE; RV.

Conclusão

Conforme este estudo demonstrou, não há contradição entre os versículos 2 e 5 de Gálatas, capítulo 6. Algumas traduções, por não fazerem distinção das duas palavras gregas diferentes usadas, acabam por provocar essa contradição. Outras traduções, embora façam diferenciação entre os dois vocábulos gregos, não os traduzem da forma correta, invertendo o sentido dos respectivos substantivos.

Por outro lado, há traduções que vertem os termos gregos de forma coerente, dando o correto sentido de cada um deles. Entre essas traduções encontra-se a Tradução do Novo Mundo.


Explicação das siglas usadas:

ACF: Almeida Corrigida Fiel.
ACV: A Conservative Version.
AKJV: American King James Version.
AM: Bíblia Ave Maria.
ARA: Almeida Revista e Atualizada.
ARC: Almeida Revista e Corrigida.
ARIB: Almeida Revisada Imprensa Bíblica.
ASV: American Standard Version.
BBE: Bible in Basic English.
BWE: Bible in Worldwide English.
Db: The ‘Holy Scriptures’ (Edição de 1949), de John Nelson Darby.
Dg: Diaglot 1865.
DR: tradução da Bíblia da Vulgata latina para o Inglês feita por membros do Colégio católico Inglês Douay. O Novo Testamento parte foi publicada em Reims , França, em 1582.
EJ 2000: English Jubilee 2000 Bible.
EMTV: English Majority Text Version.
GB: Genebra Bible.
ISV: International Standard Version.
JWB: John Wycliffe Bible.
KJ: King James Version.
KJ 2000: King James Version 2000.
LO: Living Oracles NT.
LSE: Las Sagradas Escrituras.
MKJ: Modern King James Version 1963.
MNT: Montgomery New Testament.
NAA: Nova Almeida Atualizada.
NHEB: New Heart English Bible.
NIV: New International Version.
NSB: New Simplified Bible.
NVI: Nova Versão Internacional.
NVT: Nova Versão Transformadora.
OL: O Livro.
Ro: Rotherham Version.
RSV: Revised Standard Version.
RV: Versão em espanhol Reina-Valera, de Casiodoro de Reina e de Cipriano de Valera. 1989.
RVV: Revised Version 1885.
RW: Revised 1833 Webster Version.
RYLT: Revised Young’s Literal Translation NT.
SBB: Bíblia da Sociedade Bíblica Britânica.
TCE: The Common Edition: New Testament.
TR: The Riverside New Testament.
UB: Updated Bible Version.
UKJ: Updated King James Version.
VW: A Voice in the Wilderness Bible 2006.
WBT: Webster's Bible Translation. Tradução de Noah Webster, século 19.
WEB: World English Bible.
WEBB: World English Bible British Edition.
Wes: Wesley’s NT.
Wey: Weymouth NT.
WMB: World Messianic Bible.
WMBB: World Messianic Bible British Edition.
WT: William Tyndale Bible.
YLT: Young's Literal Translation.


Referências:

Barýs. Bible Hub. Disponível em: <https://biblehub.com/greek/926.htm>.

Bíblia Online. Disponível em: <https://www.bibliaonline.com.br/>.

Gingrich, Wilbur; Danker, Frederick W. Léxico do Novo Testamento Grego / Português. SOCIEDADE RELIGIOSA EDIÇÕES VIDA NOVA. Rua Antônio Carlos Tacconi, 7504810. São Paulo-SP. 1993.

Sociedade Bíblica do Brasil. Disponível em: <http://www.sbb.org.br/conteudo-interativo/pesquisa-da-biblia/>.




A menos que haja uma indicação, todas as citações bíblicas são da Tradução do Novo Mundo da Bíblia Sagrada, publicada pelas Testemunhas de Jeová.



Os artigos deste site podem ser citados ou republicados, desde que seja citada a fonte: o site www.oapologistadaverdade.org




Nenhum comentário:

Postar um comentário


Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *